2 de mai de 2012

São Paulo Indy 300. Eu fui!!


Sim, eu fui no São Paulo Indy 300. Não, eu não entendo absolutamente nada de corrida. Até então...
Foto: Muricio Vieira

Desde pequena estou acostumada a acordar e ver minha mãe assistindo as corridas e sempre declarando paixão pelo Ayrton Senna. E desde que eu comecei a namorar um apaixonado por carros (daqueles que sabe o nome de todos os que passam na rua) e que tambem faz parte do Corsa Clube MG, comecei a dar uma certa atenção para isso. E nada de machismo dizendo que mulher não entende de carros. Simplesmente nunca gostei muito.

Este ano resolvi matar esta vontade. E confesso que a adrenalina foi a mil. O barulho dos carros, a expectativa e o S de surpresa, suspense, sustos e final surpreendente.

Mas o que eu quero mostrar aqui não é que super entendo de alguma coisa ou escrever uma super reportagem. O mais importante dessa viagem foi compartilhar um momento importante com alguem que eu gosto. No caminho conheci um senhor de mais ou menos 60 anos que estava sozinho por que a mulher não queria acompanha-lo. Também encontrei com um colega de faculdade lá que estava com a familia toda (pai, avô, tios e primos). Um outro amigo não foi por que a esposa "não deixa".

O que aprendi dessa vigem é que temos que aproveitar a vida da melhor maneira, dividir com as pessoas que gostamos e estar averto para aprender coisas novas.

E uma das coisas novas foi a surpresa de ver  mulheres na pista. E a emoção da ultrapassagem de Bia Figueiredo não tem explicação.




Ano que vem espero poder estar lá e ver a vitória de um brasileiro.

Veja o resultado da corrida clicando aqui.


Nenhum comentário: